AO (RE) ENCONTRO DAS ALMAS SELVAGENS E LIVRES
Domingo, 26 de Março de 2006
Sonho...

Berlengas_300.jpg

 

Imagino o toque.

Cresce a vontade.

Sonho com o impossivel.

 

Ouço cada palavra que dizes.

Bebendo, saboreando cada tom.

 

Não sei quem foste.

Mas sei quem és.

 

Sei que te quero.

Sei que não te vou ter.

 

Portanto sonho.

Sonho com fábulas de principes e meninas comuns.

Com viagens nossas ao fundo do mar.

Sonho com esse beijo que me transformará.

 

Sonho com vidas...que são vidas.

 

Aí perto de ti nada me interessa.

Perto de ti estou em paz.

Mesmo não tendo toque teu.

Mesmo só em sonhos.

 

Perto de ti sou eu.

Perto de ti sou feliz.

 

Berlengas (aguarela) Alfredo Roque Gameiro (1864-1935) 



publicado por marisa.moreno às 20:45
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De Passo a 3 de Abril de 2006 às 13:46
continua lindo este blog com belas poesias. parabens e continua com boa inspiracao ... beijo


Comentar post

SUPER BLOG AWARDS
Maio 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


posts recentes

Lobos, Bruxas e Lua Cheia...

Se me morres.

Vinho e comprimidos... (A...

...

Collapsing...

De novo...

Meu.

And the end is near.

Morno...

Big.

arquivos

Maio 2010

Março 2010

Outubro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Dezembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Dezembro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

mais sobre mim
BLOG ANTIGO
DESDE 15 / 05 / 2008
favoritos

Redoma Transparente

subscrever feeds
blogs SAPO